Pular para o conteúdo principal

Terceira parte de La Casa de Papel

Olá Amoras e Amores, como estão?

Em meio a tantos lançamentos de temporadas fiquei até confusa na hora de fazer um resumo rsrs. Mas vamos lá a minha humilde opinião.


Achei confuso e chato ficar contando história no começo da temporada, mostrando o Berlin (que morreu na segunda) o plano da casa da moeda na minha opinião foi bem melhor e prendeu muito mais a minha atenção do que a enrolação que veio agora com o roubo do banco nacional.

Afinal, Berlin era gay ou não? Fiquei confusa com os papos dele dizendo que teve um caso com a tal moça do porta retrato e ao mesmo tempo aquele cara chorando a morte dele como se fosse o viúvo. O papo que rola é que, a tal policial grávida é ex mulher dele e que o bebê é filho dele. Faz sentido pois ela deu a entender que sabe e muito sobre o plano do roubo.

A coitada da Tokio moveu o bando todo para libertar o Rio e no final ele termina com ela!? Ficou meio que comédia essa cena deles. 

Nairobe se manteve firme  por duas temporadas, mais firme até do que o Berlim e no final, foi pega pela tal policial (de novo ela) que não sabemos como, conseguiu achar o filho dela e levá-lo até a porta do banco. Algo que achei totalmente fora dos padrões de segurança né, levar uma criança para abalar a estrutura de um assaltante. Achei mega pesado.





Sinceramente, achei uma pura enrolação, não teve um contexto que prende-se a minha atenção não. Achei o professor bem desgosto com tudo e o relacionamento realmente abalou a auto confiança dele. Aí, não gostei mesmo e pronto. Que venha logo o final (ainda bem que é final) para trazer aquela revelação bombástica e suprir a expectativa que a terceira não nos deu.